sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

''A crise não é desculpa para os desacertos da administração municipal'' diz Zé Filho:

Para o ex-governador Zé Filho, presidente da Federação das Indústrias (FIEPI) a crise econômica do país não deve ser usada pelo prefeito Florentino Neto como desculpa para os desacertos da gestão municipal, os atrasos nos pagamentos, visto que “sua administração vem deixando a desejar desde o início, em 2013 quando ele passou todo o ano fazendo planejamento e os vereadores de sua base dizendo que ele estava guardando recursos para aplicar em 2014, o que não aconteceu, porque muitas de suas promessas de campanha foram deixadas no meio do caminho. A crise é de 2015. E os anos de 2013 e 2014?”- questiona.
De acordo com Zé Filho, mesmo que o governador Wellington Dias transfira a sede do governo para Parnaíba este ano, como forma ajudar o prefeito a melhorar sua imagem e diminuir seu desgaste perante a opinião pública, nada vai funcionar. “Façam o que fizerem nada vai adiantar, porque o prefeito tem 75% de rejeição, segundo pesquisas que o governador tem em mãos, isto num ano eleitoral. Além do mais, a população vai entender que qualquer esforço concentrado que houver, com anúncio de obras ou coisa parecida, o povo vai entender que é por conta do período eleitoral”, avalia o ex-governador, que compara: “Nós tivemos 9 meses no governo do estado e conseguimos fazer o suficiente para ter o reconhecimento da população que nos deu vitória em Parnaíba. Por que? É porque quando a gente trabalha sintonizado com os anseios da população, fazendo o que o povo deseja, ele reconhece e lhe apoia”.
Leia a matéria completa na edição deste sábado do jornal "Tribuna do Litoral"