sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Bandidos arrombam Banco do Brasil em Luís Correia e levam todo o dinheiro

Por volta das 4h30min desta madrugada de sexta-feira (23), cerca de 4 homens e uma mulher armados explodiram um caixa eletrônico da agência do Banco do Brasil que fica no Shopping Amarração, no centro da cidade de Luís Correia, no litoral piauiense. 
Um veículo preto conduzido por uma mulher deu apoio aos a mais quatro criminosos. Os cassetes com dinheiro foram levados e o valor não foi informado até o momento. Em outros arrombamentos ocorridos no piauí já foi detectada a presença de uma mulher dando apoio a quadrilha e que pode ser a mesma pessoa.
Diversas lojas que ficam ao lado dos terminais de caixa eletrônico foram atingidas com a explosão causando prejuízo aos lojistas. Para evitar que fossem perseguidos, na fuga a quadrilha espalhou um artefato denominado de "miguelito" para furar os pneus das viaturas, tendo atingido ainda uma dessas viaturas. Para assustar e afugentar qualquer tentativa de curiosos ou da polícia o bando fez diversos disparos de armas de fogo de grosso calibre. Algumas cápsulas foram encontradas espalhadas pelo chão com cédulas e estilhaços dos caixas eletrônicos.
Segundo informações fornecidas pela polícia, a quadrilha rendeu primeiro os guardas do Shopping Amarração que estavam de plantão e em seguida outro grupo seguiu para o Banco do Brasil. Os polícias ainda informaram da possibilidade da quadrilha ter empreendido fuga em uma lancha, mas inda isto ainda não foi confirmado.
Há uma segunda informação com relação a fuga dos criminosos, a polícia acredita que eles fugiram em direção à praia do Coqueiro, e que tenham se dirigido para o Ceará. A CIPTur informou que o grupo pode ser piauiense e está reforçando o policiamento nas cidades do Meio Norte do Estado, como Piripiri, Pedro II e no litoral com o objetivo de aumentar a fiscalização e evitar que casos semelhantes venham a acontecer. Esta versão pode ser a verdadeira pelo fato da PM ter encontrado na manhã de hoje um carro abandonado no povoado Cearazinho, na zona rural de Luis Correia, com as mesmas características do veículo que participou do arrombamento e que era conduzido por uma mulher.
Na mesma noite, pouco antes do arrombamento do Banco do Brasil, por volta da 2h, houve uma tentativa de arrombamento dos Correios também de Luis Correia o que leva a crer que possa ter sido o mesmo bando. A população de Luís Correia e os turistas questionam a segurança. Um morador fez o seguinte comentário: “Como se faz segurança com meia dúzia de policiais e uma viatura para uma cidade turística que recebeu mais de 3 mil carros nos últimos dois dias”.
O reforço policial solicitado de Parnaíba quando se dirigiram ao local não conseguiram chegar a tempo. A viatura de que fica em Luís Correia não conseguiu se aproximar, porque tiveram seus pneus furados com arames pontiagudos (“miguelitos”) colocados pelos criminosos nas ruas que dão acesso ao banco, que fica próximo a um complexo turístico. Para evitar a aproximação das viaturas da polícia a quadrilha espalhou artefatos conhecidos por "migulitos" para furar o pneu das viaturas.
Segundo informações do major Antônio Pacífico, comandante da CIPTur (Companhia Independente de Policiamento Turístico de Luís Correia), os criminosos dinamitaram apenas um caixa eletrônico, mas com o impacto da explosão, há possibilidade de que terminais próximos tenham sido danificados. O PM relata a ação: “Nós estávamos em rondas por aquela região e eles monitoravam nossa viatura, porque colocaram perfuradores de pneus nas ruas que dão acesso ao banco. Com os pneus furados, tivemos que acionar outra viatura e pedir reforço de Parnaíba, mas quando chegaram, eles já haviam fugido. Foi uma ação bem rápida”, explica o major Pacífico.
Fonte: Jornal da Parnaíba | Edição: SIM NOTICIAS